Os diferentes tipos de câncer de mama

Câncer de mama – Médico mostrando resultados de exames de câncer de mama - Mais Pfizer

Os diferentes tipos de câncer de mama

Muitas vezes, o câncer de mama é entendido como uma doença única, que é igual em todos os casos, com sintomas e tratamentos em comum. Porém, existem tipos diferentes do câncer que afetam partes específicas das mamas, alguns sendo mais graves e outros menos agressivos para a saúde. Conheça os tipos de câncer de mama e veja quais são mais comuns e quais são raros.

Tipos comuns de câncer de mama

Alguns casos do câncer de mama podem ser in situ, ou seja, o tumor se desenvolve em apenas uma parte da mama, enquanto outros são invasivos e quando evoluem podem invadir outros tecidos e/ou órgãos do corpo. Os tipos de câncer de mama mais comuns são:

Carcinoma ductal invasivo – é responsável por cerca de 70% dos casos de câncer de mama. Esse câncer se desenvolve nos ductos de leite que ao crescer, rompe os ductos e atinge os tecidos próximos. O carcinoma ductal invasivo pode evoluir tanto que alcança a corrente sanguínea e o sistema linfático, rede de vasos do corpo que carrega proteínas e glóbulos brancos, se espalhando para outros órgãos.

Carcinoma lobular invasivo – esse câncer também se forma nos lóbulos da mama, porém, pode afetar outros tecidos e até mesmo outros órgãos. O carcinoma lobular invasivo é o segundo tipo mais comum de câncer de mama.

Carcinoma ductal in situ – esse tipo afeta os ductos de leite, geralmente, não afeta outros tecidos da mama. Caso evolua, pode se tornar invasivo. Em alguns casos, o carcinoma ductal in situ pode afetar mais de um ducto de leite da mesma mama.

Carcinoma lobular in situ – é responsável por cerca de 6% dos casos de câncer de mama. Esse câncer se forma nas glândulas que produzem o leite, conhecidas como lóbulos da mama.

Tipos raros de câncer de mama

Entre os tipos de câncer de mama mais raros estão:

Carcinoma inflamatório – é responsável por entre 1% a 3% dos casos de câncer de mama. Esse tipo de câncer afeta os vasos linfáticos que ficam na região da mama, que são bloqueados por células cancerosas. Quando isso acontece, a mama fica inflamada, com uma parte vermelha e mais rígida.

Doença de Paget do mamilo – é responsável por entre 0,5% e 4% dos casos de câncer de mama. Esse câncer se desenvolve nos ductos mamários e atingem, principalmente, a pele dos mamilos e a aréola.

Já conhece o Programa Mais Pfizer?

O Programa Mais Pfizer tem o objetivo de facilitar o acesso e incentivar que o paciente siga o tratamento que foi prescrito pelo médico. O Programa Mais Pfizer também oferece dicas e informações para uma vida mais saudável.

Saiba mais sobre o Programa Mais Pfizer.

Referências

 

PP-PFE-BRA-2055

 

Mais Pfizer
16 outubro, 2019

CONTEÚDO RELACIONADO

Cadastre-se